ATENÇÃO!

ATENÇÃO!

Estamos lançando novas postagens no Atitude Masculina - attmasculina.blogspot.com

Boa leitura!

domingo, 30 de dezembro de 2012

Biscate fotógrafa é condenada por sexualizar a própria filha

Sexo é algo que requer capacidade física e responsabilidade para quem pratica. Crianças não tem capacidade física e nem mental para poder praticar e se responsabilizar por relações sexuais, logo merecem ser protegidas da exposição e da exploração sexua. Tanto é que a pedofilia, por comprometer a integridade física e mental de uma criança, é considerada pela sociedade um crime abominável, e a cruzada contra pedófilos e aliciadores de menores para trabalhos na indústria do sexo é constante.

As feministas aproveitam esse fato para reforçarem seu argumento de que os homens são os responsáveis pela "cultura do abuso sexual" e, por isso, merecem ter sua sexualidade demonizada na mídia e no sistema legal. No entanto, elas mesmas pregam que a sociedade deve se livrar do conceito de moralidade "opressiva" que impede que mulheres e crianças "experimentem" sua sexualidade sem preconceitos, e aprovam qualquer coisa que vá de encontro a esses padrões - que lhes dá carta branca para praticar a mesma cultura.

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Feminismo mostra sua real face em confissões anônimas.

Você frequentemente vê feministas dizerem baboseiras do tipo:
"As feministas nunca disseram [odiar os homens]. Ódio ao sexo masculino é doença e tem nome - MISANDRIA. As feministas não odeiam os homens."
"O feminismo nunca colocou que queria o fim do homem"
"Você está enganado, esse livro [SCUM MANIFESTO] não [é] aceito, nem citado, nem utilizado, na maioria dos movimentos feministas. Isso é um engano. Tenho contato e já participei ativamente de mais de um grupo feminista. Mulheres x Homens NÃO É FEMINISMO."
"O feminismo real não prega a supremacia da mulher e nem intenciona acabar com a família ou algo assim."
No entanto, é no anonimato que muitas delas revelam o seu real ódio aos homens, como bem demonstrado nesta postagem anônima no euconfesso.com, um site de confissões diversas:

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Obrigado!

Prezados leitores,

Nesta véspera de Natal, venho agradecer a vocês pelas mais de 10 mil visitas registradas desde a criação do blog, dia 7 de novembro de 2012. O número de visitas chegou a 10224 no dia 21 de dezembro 2012, às 21:45.

Venho agradecer aos mais de 1300 downloads do livro "Os Princípios Que Regem a Interação Social", cujas apreciações tem crescido cada vez mais graças à divulgação de vocês. Venho anunciar também que a versão em inglês do livro ganhou uma nova versão, com o acréscimo de alguns capítulos na parte 3 do livro que serão implementadas em breve na edição brasileira, junto com algumas correções de tradução.

Muito obrigado também aos leitores dos Estados Unidos e da Alemanha, que durante semanas têm vindo constantemente nos visitar.


Número de visitas à MAB durante o último mês(24/11/2012 – 23/12/2012)
Muito obrigado também por apreciam o trabalho deste blog através de comentários e emails de apoio, como este:
Gostaria de parabenizar a idéia da criação e manutenção deste blog muito útil, confesso que graças aos artigos publicados e concepções direcionadas, estou mudando a minha ação e sempre discernindo vários aspectos que ladeiam a minha vida social e profissional.
Comparado a outros blogs que abordam os assuntos mencionados, o Manhood é incisivo, direto e de uma forma simples e sem alardes e firulas patéticas passa as mensagens impetuosas e devastadoras para sobrevivência neste moderno mundo repleto de hipocrisia.
Se a leitura do blog fosse efetuada por outros jovens, o choque ideológico seria interessante, mas lamentavelmente os apáticos e manginas da atualidade estão preocupadas com facebook, “como pegar uma gatinha”, dentre outras futilidades.
Obrigado pela iniciativa, espero estar acompanhando com freqüência.
Por fim, venho desejar a todos um Feliz Natal e um Ano Novo repleto de novas realizações e mais luz à consciência de vocês. Esperamos que nosso trabalho na Manhood Academy e neste blog os ajudem nesta caminhada. 
Crédito do wallpaper: Walldesk

sábado, 22 de dezembro de 2012

Um relato de incompetência corporativa, estrelando: mulheres

O relato a seguir é de uma mulher que acreditava que os homens conseguiam trabalho na TV muito fácil, e que mulheres não progrediam devido ao fato dos grandes da mídia serem "Clubes do Bolinha" inacessíveis a elas. Assim, ela resolveu criar uma companhia de TV composta só por mulheres. Contratou as mais bem graduadas e conhecidas, acreditando que elas também fossem capazes de mostrarem competência e espírito de equipe para o mundo dos negócios - tudo isso num ambiente de trabalho "mais humano e pacífico".

Mas o que era um sonho logo se tornou um desastre. Em vez de um ambiente pacífico, brigas por motivos fúteis. Em vez de espírito de equipe, sarcasmo e competição por poder. Em vez de profissionalismo, chororô e dramas num ambiente digno de jardim de infância, como vocês verão. Relato originalmente publicado na Daily Mail, traduzido por Rider (Fórum do Búfalo) e adaptado para a MAB por Spirit:

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Relato de mãe solteira maluca dissecado e desnudado implacavelmente

Por Prof. Plum

Logo após o massacre em uma escola de Connecticut, uma mãe solteira tenta pôr a culpa de sua capacidade horrível de criar filhos na “saúde mental” de seu filho:

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Não quer cuidar de seus filhos? DOPE ELES.

A matéria a seguir reflete uma das muitas consequências do feminismo - cada um transferindo responsabilidades para os outros.

Pais transferem a responsabilidade de cuidar dos filhos para as escolas -> as escolas transferem de volta aos pais -> estes, por sua vez, levam ao médico -> e o médico dá a tarefa ao remédio.

Consequência: crianças transtornadas pelo esforço coletivo em mascarar os problemas que atingem a sociedade e a degeneram por dentro.

Confiram a matéria do MSN/The New York Times:

domingo, 16 de dezembro de 2012

Lola diz OK para o estupro de homens

Em um de seus últimos posts, a blogueira feminista famosa e velha de guerra Lola Aronovich recebeu um depoimento de uma mulher que ADMITIU ter forçado um homem a uma relação sexual:

"Desde o começo, eu estava interessada em um dos meus colegas [de faculdade], alguns anos mais jovem. Ele tem namorada, e eu [também], mas [...] botei na cabeça que tinha que ficar com ele. 

[Viajamos por] alguns dias juntos, e eu já fui pensando em seduzi-lo. Na primeira noite em que ficamos todos bêbados, eu o segui até o banheiro do albergue durante uma festa (o banheiro era unissex) e, quando ele estava saindo, comecei a empurrá-lo para um dos toaletes. Ele repetia "não posso, não posso", e eu só dizia "pode sim". Resultado: entramos no banheiro, abri a calça dele e fizemos sexo. Ele deixou, mas logo depois parou e saiu do banheiro, visivelmente nervoso. Me disse que tinha que ir embora e desapareceu.

Me senti muito mal no dia seguinte, principalmente porque acompanho seu blog e sei exatamente que se fosse com o sexo oposto, isso seria um estupro e ponto. Contei para uma amiga feminista e ela disse que não foi estupro, mas nada me tira da cabeça que foi sim e que sou uma estupradora.

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Para o Instituto Avante Brasil, homens assassinados não são problema

Nesta nota, Mônica Bergamo mostra se preocupar com o aumento do número de assassinatos nos últimos 30 anos. Só que ela só se preocupou com o número de mulheres assassinadas.

Ela "viu" uma postagem de um blog chamado Instituto Avante Brasil falando sobre as tais estatísticas, extraídas do Datasus do Ministério da Saúde, e que tinha até uma contagem de horas que demoram para mulher ser assassinada. Disse também que o instituto tinha um delitômetro que contava o número de mulheres assassinadas. Enfim.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Introdução à ciência descartável (pseudociência)

A ciência é muito importante em nossas vidas. Ela nos auxilia a entender o mundo através da observação da natureza, descobrindo-se o princípio de seu funcionamento e usando esse conhecimento adquirido para criar  novas tecnologias para o bem das pessoas.

Para se fazer ciência, é preciso respeitar o método científico, que basicamente se resume a: 1) observar a natureza; 2) Formular hipóteses; 3) Estudar essas hipóteses com a teoria existente e traçar um paralelo com as observações vistas; 4) Verificar se as observações corroboram as hipóteses feitas. Se sim, a hipótese se torna um novo conhecimento e fonte para novos estudo. Senão, novas observações e outras hipóteses devem ser feitas.

sábado, 8 de dezembro de 2012

Efeitos da emasculação: a falta de convicção

A emasculação se manifesta em um homem de mil e uma maneiras. Uma dessas maneiras é o tom de voz que se fala ao terminar uma frase.

Imagine a seguinte situação: numa sala de aula, um professor explica uma determinada matéria de história, e ao terminar, ele faz uma pergunta à turma, para ver se os alunos fixaram a lição:

“O que motivou o Brasil querer ser independente de Portugal?”

A sala fica em um minuto de silêncio. Uma pessoa arrisca alguma coisa, mas engole a resposta antes que ela comece a sair. O professor dá uma dica qualquer para estimular a plateia vacilante. E, primeiro num tom de voz quase inaudível, e depois mais claro após ser solicitado a repetir, uma resposta vem, mais ou menos assim:

“Porque D. Pedro I quis?”

“Porque o Brasil ia voltar a ser colônia depois que a Família Real fosse embora? E os mandachuvas daqui não queriam?”

“[Insira qualquer coisa aqui e depois saia perguntando?]”


quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Não fuja do feminismo


Por Prof. Plum

FakeAssHo: Eu só li alguns dos comentários de cima e agora quero me matar. Por isso é que eu não vou ao Reddit: "Se tu qué grelhinho tu tem que respeitá as muié kkkk", "História da minha vida kkkk!!"

FakeAssHo, você não pode se esconder do Reddit - o Reddit vem até VOCÊ.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Gabi de Frente com A VERDADE


Ontem, Marília Gabriela entrevistou Eduardo Nunes, um especialista em relacionamentos voltado para ensinar mulheres a conquistar homens - o que se chama de "coach". No entanto, ela só não esperava uma coisa: que este cara fosse capaz de revelar o que os homens realmente querem delas - e que tem sido razões muito comuns para o fracasso dos relacionamentos. Logicamente, ela partiu para a indignação falso-moralista básica (grifado em vermelho para vocês):

domingo, 2 de dezembro de 2012

"Formação para a vida" aplicada para homens


Segue uma fábula comumente contada para crianças. Ela fala sobre a importância de cumprir tarefas simples, mas até mesmo adultos podem tirar lições valiosas lendo o mesmo texto:

Reinaldo era um jovem príncipe, herdeiro de um grande reino. Toda manhã, ao despertar, recebia uma lista de tarefas que devia cumprir. Tarefas que o deixavam muito zangado, porque iam desde limpar os seus sapatos e vestes reais, organizar brinquedos e jogos, até lavar e escovar seu cavalo e organizar o seu quarto.

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Crise nervosa, uma experiência de quase morte


Quando esta semana começou, tudo indicava que ia ser uma semana normal: que eu ia trabalhar da maneira usual, comer da maneira usual, ter as mesmas preocupações de sempre, e fazer um novo post para a Manhood Academy Brasil já na segunda feira.

Mas não foi o que aconteceu.

Na segunda-feira de manhã, no ônibus, eu comecei a sentir falta de ar. Já estava ficando preocupado com isso porque não tinha sido a primeira vez que acontecia; pelas duas

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Mídia feminista ACHINCALHA os homens por FALAREM A VERDADE

Uma reportagem da revista Veja, em 2003, ACHINCALHOU os homens que se queixaram, em várias pesquisas, dos problemas que eles viam com mulheres chefes: arrogância, insegurança e privilégios especiais que elas conseguem apenas por serem chefes mulheres, rotulando-os, como de praxe, de MACHISTAS e INSEGUROS.

O mais irônico é que esta reportagem saiu em uma edição especial da revista sobre os homens.

sábado, 24 de novembro de 2012

Ironia, sarcasmo, passivo-agressividade e outras mulherzices


Por Manhood Academy

Como os hippies são um bando de idiotas passivo-agressivos, eles acreditam no uso de HUMILHAÇÃO/CULPA como meios primários de aplicação de suas expectativas.

Veja as postagens e notícias centradas na ridicularização e na estereotipação do homem. CNN, TMZ, Gawker, sitcoms, filmes. Em todo lugar que você olhe, você vê a cara da sua mãe. Estas vozes todas formam uma imensa rede de intimidação e repreensão feita para para te humilhar para que você se submeta a uma mulher.

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

A sexualidade feminina - parte 1


Por Prof. Plum

Para os homens, sexo é um caso de vida ou morte. Eles procuram melhores empregos para terem mais acesso a ele. Eles presenteiam mulheres para obtê-lo. Eles veem pornô quando não têm acesso a ele. Eles usam a violência para conseguirem sexo à força. Eles fazem sexo com outros homens (na prisão) para aliviarem seu sofrimento de terem sido privados dele. E em casos extremos, eles usarão de crianças e até mesmo animais. Eles saem de relacionamentos que não o proveem. Eles categorizam as mulheres baseando-se nele, etc.

Mas como as mulheres veem o sexo:

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Policiais de Curitiba repreendidos por serem GROSSOS com mulher

Você provavelmente deve ter visto nos noticiários a abordagem e revista de duas garotas pela polícia durante uma suposta "caminhada pela paz" de torcedores do Coritiba, onde uma delas é "prensada" na parede após bater boca com o policial que tentava revistá-la.

Em casos assim, a polícia é rechaçada por todos os lados com críticas pela sua "truculência", "abuso de autoridade" e "falta de respeito com os cidadãos". Deixando a hipocrisia desses críticos - que dependerem da polícia para se sentirem seguros - de lado, a parte mais notória e mais absurda é o alarde que estão fazendo deste episódio. 


segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Depoimento de uma pessoa enganada pela autoajuda

Conheça Gil, um rapaz que, logo após perder sua namorada, empreende uma busca alucinada por respostas para superar a dor e se tornar uma pessoa melhor e mais sociável. No meio do caminho, porém, ele descobre o submundo sombrio da literatura de autoajuda, que em vez de ajudá-lo a resolver seus problemas, o puxa ainda mais para o buraco.

Este é um depoimento de um aluno da Manhood Academy (nome fictício). Isto serve para mostrar como os livros de autoajuda, além de não te ajudar a resolver nada, pode se tornar um vício:

sábado, 17 de novembro de 2012

A intolerância enrustida


Hoje em dia, diversos grupos de indivíduos na sociedade se vangloriam de celebrarem a diversidade de culturas, filosofias e escolhas pessoais, e combaterem intensamente os preconceitos enraizados nela. No entanto, tal fachada de tolerância e boas intenções esconde uma verdade inconveniente: o desejo destes grupos de impor seus padrões ao resto da sociedade e sua intolerância com quem não pensa como eles.

Esses grupos frequentemente procuram criminalizar opiniões alheias às deles, pois por não terem capacidade para provar seus pontos de vista, a única forma de verem suas causas serem ouvidas e aplicadas é silenciando seus opositores.

Vamos fazer uma breve reflexão sobre o que os motiva a fazer isto, e como se proteger da toxicidade de suas ideologias.

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Como identificar se você é ou não um mangina

“Você pode ser um mangina caso use as palavras “magia”, “sina” e “energia” juntas numa frase só.” – Blue, da Manhood Academy

"Infelizmente ainda presencio alguns [homens] que assediam mulheres que estão nos bares por onde  passamos por exemplo, mas  também vejo [manginas] conversando com os 'agressores' e demonstrando que isso não é nada legal, muito menos natural." - Reflexão tipicamente mangina

Q: O que é um mangina?
R: Mangina é um homem emasculado que se submete e se dobra à mulher. Ele não tem colhões para dizer NÃO a uma mulher. Ele se envergonha de sua própria sexualidade e frequentemente fala mal de outros homens em nome das mulheres.

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Aspire por pureza, não grandeza

Por Prof. Plum
Arte não é competência. Arte é expressão pessoal. Se você quiser competir contra a expressão de outra pessoa, você entrará em uma luta perdida desde o começo.

A habilidade de tocar um instrumento musical ou de pintar uma figura de forma competente tem pouco a ver com suas funções de homem. O uso da expressão de outra pessoa como uma referência para seu “sucesso” é como usar o amor de outra pessoa à sua esposa como parâmetro para você amar sua namorada.

sábado, 10 de novembro de 2012

Intenções boas, julgamentos ruins

Por Prof. Plum


“Você não confia em mim?”

As mulheres dificilmente sabem quem elas são e o que são capazes de fazer, especialmente quando as emoções delas estão à tona. Tudo bem confiar nas intenções de uma garota. Mas confiar no julgamento dela é como confiar na habilidade de uma criança de dirigir um carro pela rodovia. Claro que ela pretende chegar em casa com segurança, mas o fato de ela mesma querer se colocar naquele papel em primeiro lugar revela o por que de você, como homem, precisa estar no comando de um relacionamento.

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Igualdade de valor e igualdade de função

Uma breve introdução


Por milênios, inúmeras sociedades adotaram um sistema rígido de divisão de papeis na sociedade, em que uma família qualquer ficaria encarregada de servir o mesmo papel em todas as gerações. Assim, uma família de carpinteiros seria sempre uma família de carpinteiros, uma família de agricultores seria sempre uma família de agricultores, e uma família de lenhadores seria sempre uma família de lenhadores e uma família de escravos seria sempre uma família de escravos.

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Salve, guerreiros!

Hoje é dia de churrasco na laje! Preparem a linguiça, a carne, o sal grosso e a cerveja.  Chamem as garotas mais bonitas do bairro para tomar sol e nadar na piscina armada com aquele cuidado típico para não molhar o cabelo e estragar a chapinha. Preparem o reco-reco, o pandeiro, os tamborins e a viola para fazer uma roda de samba de raiz ao vivo, para o delírio da mulherada e a descontração geral, como nos melhores botecos da rua. Preparem os fogos de artifício para atazanar a vizinhança no melhor estilo que os corinthianos fazem.

Porque o mais másculo espaço da Internet mundial finalmente está no Brasil varonil!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

LinkWithin2

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...