ATENÇÃO!

ATENÇÃO!

Estamos lançando novas postagens no Atitude Masculina - attmasculina.blogspot.com

Boa leitura!

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Como identificar se você é ou não um mangina

“Você pode ser um mangina caso use as palavras “magia”, “sina” e “energia” juntas numa frase só.” – Blue, da Manhood Academy

"Infelizmente ainda presencio alguns [homens] que assediam mulheres que estão nos bares por onde  passamos por exemplo, mas  também vejo [manginas] conversando com os 'agressores' e demonstrando que isso não é nada legal, muito menos natural." - Reflexão tipicamente mangina

Q: O que é um mangina?
R: Mangina é um homem emasculado que se submete e se dobra à mulher. Ele não tem colhões para dizer NÃO a uma mulher. Ele se envergonha de sua própria sexualidade e frequentemente fala mal de outros homens em nome das mulheres.

Sintomas de um mangina:

  • Você não consegue dizer NÃO a uma mulher
  • Você raramente confronta, ou se mantém firme em sua posição ao discordar de uma mulher
  • Quando discorda de alguém, você normalmente reclama do jeito que a pessoa te faz sentir
  • Você sempre se encontra tentando negociar papeis com mulheres
  • Você fica do lado da mulher em todos os litígios (Tiger Woods X Elin, Dado Dolabella X Viviane Sarahyba, Viola X Maria-chuteira qualquer)
  • Você critica e fala mal dos homens enquanto justifica e apoia mulheres incondicionalmente
  • Você foi criado por uma mãe solteira
  • Você põe mulheres em pedestais e acham que elas são santas ou princesas
  • Você acha ser obrigação de "cavalheiro" pagar a conta delas
  • Você sempre paga os jantares, as bebidas, os presentes, os ingressos do cinema para elas, sem ganhar nada em troca
  • As mulheres te acham um "cara legal", mas nunca no sentido sexual/romântico
  • Você se vale do sarcasmo sempre que possível porque, como uma mulher, você não quer se responsabilizar pelas coisas que diz
  • Você acha que boa gramática é igual a inteligência (isto é, como uma mulher, você se preocupa mais com as aparências que com o conteúdo)
  • Você dá crédito a portais feministas como SBT, Veja, Yahoo! e a Jezebel
  • Você ridiculariza sinais de autoridade com termos hippies como "macho", "brucutu" ou "neandertal"
  • Você acha que a responsabilidade sexual está cai sempre nas costas dos homens
  • Você acha que uma mulher pode fazer tudo o que um homem pode fazer (e de salto alto)
  • Você acha que as mulheres são mais espertas que os homens
  • Você apoia campanhas contra o câncer de mama e violência doméstica enquanto negligencia o câncer de próstata ou responsabilidade sexual para mulheres
  • Você fala mal de homens que se referem a certas mulheres como "vadias" ou “biscates", mas não vê problema nenhum em se referir a homens com "porcos", "pegajosos", "perdedores", "imbecis" etc.
  • Você se curva como um tatu-bola ao ouvir meia dúzia de palavras em uma discussão qualquer
  • Você acha que um homem jamais pode bater em uma mulher, mas dá razão a filmes, propagandas e programas de TV que mostram homens fisicamente agredidos por elas
  • Como uma mulher, você se preocupa mais com a forma que o argumento é apresentado do que com o conteúdo do argumento
  • Você se considera um feminista
  • Você tinge seu cabelo de preto e deixa a franja bem grande
  • Suas calças apertam tanto seus bagos que elas parecem ser de lycra
  • Você entende de moda mais do que a maioria dos homens
  • Assim como a maioria das mulheres, você acha que tudo é relativo e que não existem respostas erradas, apenas "opiniões diferentes"
  • Você doa, ou pertence ao PETA
  • Você se refere a outros homens como “misóginos” ou “homofóbicos”
  • Você não vê problema com 2 caras se beijando, pois acha que isto te faz parecer moderno ou antenado
  • Você fala mal de caras como Marcelo Dourado, Luiz Felipe Pondé, Jece Valadão, Sean Connery e Jair Bolsonaro
  • Você tem medo de ver mulheres surtarem com você e, por isso, jamais discordam delas em público
  • Você reclama com as pessoas para que elas simpatizem contigo, mas não faz nada para adquirir o respeito delas
  • Você chora como uma vadia contrariada diante dos amigos sobre os caras da Manhood Academy falando "grosserias" (isto é, dizendo a verdade), mas é COVARDE DEMAIS para debater com a gente em nosso próprio blog.
  • Sua frase preferida em se tratando de mulher é: “Eu respeito mulher” (= eu tolero ser PAU MANDADO de qualquer vadia e repreendo homens que mostram sua sexualidade a elas)
  • Possui fetiche por dominatrices e pés na cara
  • Acha que poliamor, poligamia e ménage são o suprassumo dos relacionamentos atuais
  • Amado Batista é seu poeta favorito
  • Justifica todo tipo de veadagem (lingerie masculina, Marcha das Vadias, homens trocando fralda de bebê e cuidando de casa enquanto a mulher trabalha, homem fazendo chapinha e tingindo cabelo) com o velho bordão: "Os tempos mudam"
  • Paga R$ 50 mil (ou qualquer outra quantia) pro Ricardão que comeu sua mulher ficar longe dela
  • Mata o cara com quem sua mulher/namorada te traiu mas "passa a mão na cabeça" dela
  • Aplaude o Marcelo Rezende falando que deveria haver mais delegacias especiais só pra mulheres, só com investigadoras mulheres, após noticiar um caso de estupro em investigação
  • Seu estilo musical preferido é pagode ou sertanejo universitário
  • Quando vai elogiar a roupa de uma mulher, elogia como qualquer amiga dela faz ("como essa blusa transparente é fresquinha", "que salto bonito, é Arezzo?/é confortável", "ai, tá piriguete com essa sainha curta!", "a-doooooooooooooooooooo-ro!!!!!")
  • Sai abrindo a porta pra mulher em todo lugar que vai sem pedir nem o telefone delas
  • Passa a mão na cabeça de sua filha vadia e faz sua mulher criar o filho dela

Tá louco, véio?
 Image

Exemplos de manginas:

  1. Mateus Verdelho: Modelo masculino que perdoou sua noiva, em plena TV, após ela ter dado uma escapada em uma despedida de solteiro em um clube feminino, mesmo depois de ter chorado feito um bezerro ao ver todo o vídeo da festa. Não é a toa que seu relacionamento com ela, agora sua mulher, já está em crise.
  2. Mystery (pick-up artist): aconselha homens a se vestirem feito bichas vitorianas e usar rímel para atrair mulheres. Reforça comportamentos de vadia ensinando-os que mulheres agem como vadias devido à evolução. Culpa o homem por não atrair mulheres.
  3. Paul Elam: autointitulado líder do ativismo dos direitos dos homens que tenta repreender e demonizar outros homens que não caem na sua ideia feminista da homogeneização de papéis de gênero. Este tipo de mangina emasculado é talvez o pior da espécie, porque ele se propõe a representar a opinião dos homens mas ainda assim ele reforça a emasculação do homem através da sua ignorância sobre as diferenças naturais entre os sexos.
  4. Xico Sá: blogueiro da mídia mainstream cujo público-alvo é mulheres frustradas em seus relacionamentos. Assim sendo, ele procura alegrá-las com seus textos “bem humorados” condenando os comportamentos masculinos responsáveis pelo sofrimento delas, enquanto as isenta de toda responsabilidade pelas suas más escolhas amorosas.
  5. Adolescentes emos: adolescentes emos ou “emos bichas” representam a juventude apática e sem rumo de hoje em dia. Quando não estão cortando pulsos ou comprando calças apertadas, eles se ocupam em se vestir e se comportar como mulheres nos maneirismos e nas suas opiniões infantis baseadas em pura emoção.
  6. Marçal Filho: Um mangina no Congresso nacional que criou um brilhante projeto de Lei para forçar empresas a pagar a uma mulher o mesmo salário de um homem que esteja no mesmo cargo que ela, mesmo que o homem tenha mais responsabilidades e mais funções que a mulher. Felizmente, uma análise minuciosa da sociedade barrou este projeto imediatamente, mostrando o caráter demagógico do mesmo (seria sancionado num dia 8 de março)
  7. Joe Biden: Este mangina é responsável por criar a Violence Against Women Act (VAWA) nos Estados Unidos, que dá às mulheres status especial e as cunha como vítimas padrão no sistema legal. Ele também fez discursos públicos apoiando as mulheres e rebaixando os homens, mesmo após revelar ter sido constantemente agredido por sua irmã mais velha na infância. É o vice de Barack Obama na presidência dos EUA
  8. Eugênio Malavasi (advogado): Um mangina que ganhou destaque na mídia recentemente defendendo e conseguindo fazer um júri absolver Carla Cepollina, única suspeita de matar um homem, através de apelo emocional e respaldo da plateia feminina do julgamento. Além disso, seus dois divórcios seguido de uma terceira mulher são evidências cabais sua da total falta de autoridade nos relacionamentos.
  9. Alex Castro: Blogueiro e escritor, Alex Castro é talvez o que encarna as maiores “virtudes” de um mangina em terras tupiniquins. Já confessou gostar de mulheres “más e dominadoras”, é podólatra, escreve linhas e mais linhas sobre racismo e minorias e, além disso, já escreveu em um famoso portal masculino um curso de feminismo para homens. Isto, junto com a estampa da camisa mostrada aqui, dispensa maiores comentários.
  10. (Menção honrosa) Eduardo Sakamoto: Pegue o Alex Castro, tire a tara por papéis submissos e eleve o feminismo ao nível militante. O resultado é um blog feito por um cara que odeia o próprio gênero e não se cansa de insultá-lo diretamente. É a versão tupiniquim do Hugo Scwyzer.

Faça sua parte: mate o seu mangina interior e divulgue esta propaganda para onde for (clique para ver em tamanho original):



34 comentários:

  1. gostei da leitura ,parabens!

    ResponderExcluir
  2. Por causa da Lei Maria da Penha ter criado uma punição desproporcional e desigualitária, não se pode mais esmurrar a cara de uma vadia que enche o saco, manipula e explora o homem. Tem que "aturar" ou "fugir".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se qualquer mulher de merda, durante um ataque de raivinha, ousasse bater na minha cara. Ou eu quebraria a cara da puta ou quebraria a mão dela. Homem que apanha de mulher é um mangina otário do caralho!

      Excluir
    2. A feminazi pode estar disposta a te matar, se vc der um tapa que seja...

      Excluir
  3. isso tudo é sério? ou é só uma brincadeira?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sério. Só alguém com uma interpretação de texto de alguém com 2 anos consegue confundir este artigo e todo o site como piada.

      Excluir
  4. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir
  5. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir
  6. Só pq vc's tomaram um pé da namoradinha aos 15 anos que todas as mulheres são assim, na boa, vocês são todos perturbados por basearem suas vidas em um acontecimento tão besta. Claro que tem mulher filhadaputa, mas tem homem também, larguem de mimimi e vão aprender a se relacionar como adultos e matem o menino com 15 anos dentro de vocês. Inseguros. Deprimente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é este o problema que o artigo está mostrando. O problema são as coisas que CAUSAM a frustração masculina nos relacionamentos. Tudo o que está listado aqui são os efeitos do condicionamento que os homens e garotos recebem por esta sociedade feminista, e depois acabam à própria sorte tendo que descobrir a verdade da pior forma possível.

      Enquanto isto, as mulheres são isentadas de qualquer responsabilidade nos relacionamentos e se beneficiam e muito dos manginas que estão por aí, no que tange a obter mais e mais privilégios.

      Excluir
    2. Misandrica, vc eh preconceituosa?

      Excluir
  7. HUEHEUHEUHEUHUEH BRBR?

    ResponderExcluir
  8. A propósito Spirit, enquanto o Fórum do Búfalo estava fora do ar, dei uma passada por outros sites que metem a Real, e li este artigo tbm! Muito bom!! Parabéns! Uma das melhores matérias sobre manginas que já li, detalhando comportamento e tal!

    ResponderExcluir
  9. Win vcs. mas não saio defendendo vadias não champz, sou um Black Knight e não um White Knight.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você seria por acaso o outro polo? De toda forma, está se polarizando em um dos lados, e isso não vai te trazer benefícios como relacionamentos duradouros, sinto muito.

      Manginas, CSPs e Matrixianos (os cavaleiros brancos) de um lado, e os Cafajestes, PUAs e Canalhas (ou cavaleiros negros) do outro... No fim todos são só os dois lados da mesma moeda. O problema é o mesmo, não adianta trocar a roupagem.

      Trate de ser um homem honrado e autêntico e tudo melhorará, creio eu. Nunca exagere na dose, nem vá pelas extremidades.

      Excluir
  10. HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHHA
    que seres frustados escrevem esse tipo de coisa?
    chorei de rir.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu sarcasmo confirma tudo o que é dito aqui: você é um mangina covarde demais pra fazer uma crítica construtiva para este artigo.

      Passar bem.

      Excluir
    2. Ártemis (Diana)8/12/12 3:50 PM

      Caro (a) "Anônimo".
      Não dê ataques infantis quando você discorda de algo, muito menos ataque o autor (isso só mostra que você não tem nada melhor a dizer, só tenta repreender). Use argumentos.
      Aliás, O texto só atinge quem a carapuça servi, a quem não servi de nada faz mal.

      Excluir
  11. Don Corleone24/11/12 10:46 AM

    Dá ânsia de vomito ver mulheres querendo chamar os homens que não se dobram a sua agenda dominadora de garotos de 15 anos. A verdade é que isso é uma tática de ataque que visa desestabilizar e fazer com que os homens tenham a "a atitude homem" que quer dizer: apanhar e dar razão as mulheres, pagar todas as despesas como cavalheiro, defendê-las de agressões enfim, tudo o que elas querem. Elas estão horrorizadas porque a máscara tá caindo. Isso dá medo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não deixe que vadias e manginas digam o que você deve fazer, pois o que sempre vai prevalecer é a sua ética e integridade pessoal. Até eles reconhecem isto. Eles só não assumem pois são covardes demais para os confrontar, e orgulhosos demais para sair de dentro da própria bolha que eles fizeram pra fugir da realidade.

      Excluir
  12. Legal.Gostei bastante do texto:"Por que a socialização é tão difícil hoje em dia".Continue com este trabalho.Boa sorte.

    ResponderExcluir
  13. Pior que meu pau ficou duro nas duas fotos: a da mina pisando e da mina socando.
    Eu acho que sou um mangina. Gostaria,na real, sem zoera, o que é preciso para parar de ser um.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 1) Ler o livro "Os Princípios Que Regem a Interação Social", cujo link está dispoível neste blog;

      2) Se não for suficiente, faça o seguinte:
      2.a) Aprenda inglês;
      2.b) Inscreva-se na Manhood Academy em: http://manhood101.com/enroll.html

      Obrigado!

      Excluir
  14. Mas o pior de tudo que é por causa desses homens manginas paspalhos eunucos de merda que o feminismo avança pois eles apoiam a mulher em tudo que fazem e nunca exercem autoridade permitindo a promiscuidade delas,e infelizmente na sociedade atual a maioria dos homens são manginas,mas vale ressaltar que a culpa não e deles e sim também da grande lavagem cerebral que sofrem da mídia feminista que transforma o homem em um verdadeiro eunuco paspalho capacho de mulher.

    ResponderExcluir
  15. Vocês se esqueceram de falar do Fabrício Carpinejar, que é o exemplo mais bem-acabado de mangina.

    ResponderExcluir
  16. Lendo esse post, percebo que ainda sou um tremendo de um mangina! rs, acho que tem haver com o fato de eu ter sido criado sem pai.

    ResponderExcluir
  17. Can you give me the link in english for the conversation in the forum for
    "“Você pode ser um mangina caso use as palavras “magia”, “sina” e “energia” juntas numa frase só.” – Blue, da Manhood Academy" ?
    Thank you

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Just click on the name "Blue" after the citation - it'll take you straight to it. Cheers!

      Excluir
  18. Opa, que eu era matrixiano isso sim eu já sabia, mas também acabei me identificando com algumas das manginices das listadas lá em cima. Parece que eu era mais mangina do que eu pensava, mas dá para corrigir, falta só resolver umas questõeszinhas e pronto.

    Acho que ainda tenho um bocado para melhorar, mas pelo menos essa lista já dá o toque, basta procurar os textos na blogsfera da Real e aqui na Academia para apontá-los, e tentar sanar o problema por meio de conhecimentos novos aliados de práticas novas.

    Bom trabalho e muito obrigado (por ajudar a reconhecer meus defeitos ainda persistentes), Will! Tudo de bom pra ti!

    ResponderExcluir
  19. O texto eh bom em geral, mas pode melhorar em alguns aspectos.
    Por exemplo: Se vestir como um papagaio realmente eh deprimente, mas o autor acha que Mistery culpar os homens por não conseguirem atrair mulheres o qualifica como mangina? A culpa com toda certeza eh do homem por não conseguir atrair mulheres. Quando um homem age como mangina não conseguirá atrair ninguem, logo a culpa eh dele por agir feito um cachorrinho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mystery é um mangina por um conjunto de muitas outras razões além desta. Ele culpa os homens por não atrair mulheres MAS ensina-os a se comportarem como verdadeiras bichas diante delas, vestindo roupas esquisitas e puxando conversas totalmente artificiais. Além disso, ele ensina que mulheres possuem maior inteligência emocional e social e justifica o comportamento de vadia delas como uma habilidade evolucionária.

      Excluir
  20. Cara, acho ótima a sua pagina, mas gostaria de pedir ajuda sobre algo realmente incomodo:

    Sinto muito tesão de ser dominado e usado como escravo por uma mulher. Tenho quase fixação por isto, e assim consumido muita pornografia de temática BDSM. No trabalho, vejo minhas colegas e me dá uma vontade de me ajoelhar e beijar os pés delas. Fantasio com cada uma me levando na coleira, me dando bofetadas na cara e me pisando com seus saltos altos, me usando como seu brinquedo, me mantendo preso num cinto de castidade e comendo meu cu. Sei que um homem deve manter sua posição dominante, mas tenho sido perturbado por estas fantasias. Já realizei parcialmente, com GP's, porém após o programa percebo o deboche e a cara de nojo delas ao me olhar naquela situação. Como me livro dessas taras??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, você ainda precisa esclarecer mais algumas coisas:

      1) Se essa fantasia de ser dominado vem de longa data, tipo, desde a sua infância/adolescência, ou se começou depois de começar a consumir muita pornografia;

      2) Se você foi criado por uma mãe solteira, e como foi a convivência com ela;

      3) Se você começou a ter essas fantasias após sofrer violência sexual ou algum outro evento traumático relacionado a isso;

      4) Se você andava mais com amigas do que com amigos, como era sua convivência com eles;

      5) Se você já ouviu falar do feminismo alguma vez na vida, se participou de algum movimento relacionado ao tema, sobre como você encara a questão das mulheres na sociedade;

      É necessário primeiro refletir sobre estas questões antes de ler o nosso livro, "<a href="http://manhood101br.blogspot.com.br/p/blog-page.html>Princípios Que Regem a Interação Social</a>", um livro feito para homens que estão passando por esta crise de identidade de gênero que é endêmica entre nós, graças ao feminismo.

      Excluir

Apesar de permitirmos comentários anônimos, sugerimos que identifique - se com qualquer conta de usuário que você tenha (Blogger, Google +, OpenID etc.) ou simplesmente usando a opção Nome/URL (URL pode ser deixado em branco nesta opção).

Tags HTML permitidas: negrito, itálico, ênfase, link.

Se você quer dar uma de valentão de teclado e/ou quer provar que estamos errados, considere debater conosco via webcam.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

LinkWithin2

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...